Uniprime - Cooperativa de Crédito do Norte do Párana

#78 - 4 dicas para ajudá-lo na escolha do melhor investimento

26 de Outubro de 2020

#78 - 4 dicas para  ajudá-lo na escolha do melhor investimento
Por Juliana Olivieri Refundini, profissional com Certificação CFP®.

“Como escolher o investimento correto para o meu dinheiro?”. Como profissional do ramo financeiro, esta é uma das dúvidas que mais ouço. E não é para menos! O universo dos investimentos tem cada dia mais se diversificado e, por isso, muitas pessoas ficam perdidas, sem saber ao certo qual o melhor destino para suas economias. 

Muita gente, sem saber o que fazer, simplesmente não faz nada, ou investe no produto sem ao menos se perguntar por que e para quê? A decisão é tomada sem que, de fato, a pessoa reflita o que exatamente ela vai fazer com aquele recurso que está investindo. 

Como temos dito nos artigos aqui do canal, dar “nome” ao seu dinheiro é muito importante por vários fatores, especialmente para não gastar além do que pode na compra de um determinado bem, seja ele um carro ou outro qualquer, comprometendo um recurso que pode fazer falta depois (como, por exemplo, sua aposentadoria).

Para ilustrar ainda melhor, trago um exemplo que tenho certeza que muitos vão se identificar. Sabe quando você coloca seu dinheiro em um determinado produto de investimento só porque o seu amigo disse que está investindo? Ou porque alguém (que não tem qualificação para tal) te indicou? Muito cuidado nesta hora, afinal os riscos que envolvem investimentos são diversos (até já falei deles AQUI, mas se quiser saber mais pode me escrever que podemos falar novamente deste tema, ok?)

Então, vamos lá! Vou te dar quatro dicas de como saber se investir neste ou naquele produto será melhor para você:

1º dica: Observe se este investimento tem carência, ou seja, se você investir seu dinheiro nele HOJE, a partir de quando você poderá resgatá-lo! Saber qual a liquidez que seu investimento tem é muito importante para não passar apertos;

2º dica: Verifique agora se ele tem muita volatilidade, ou seja, se ele varia muito, e se pode ter resultado negativo, para então ver se o destino que seu dinheiro vai tomar pode passar por esse tipo de situação;

3º dica: Atenção! Observar a rentabilidade passada, não é garantia de rentabilidade futura. Por isso, tenha certeza dos riscos que está correndo ao aplicar em determinado produto de investimento. Afinal, as maiores rentabilidades são geralmente pagas por investimentos com maior risco;

4º dica: Defina a finalidade exata daquele investimento, assim você saberá por quanto tempo seu dinheiro poderá ficar investido. Por exemplo, se pretende trocar de carro daqui dois anos, já sabe o período que o recurso deverá ficar investido, optando produtos com esta carência que paguem melhor rentabilidade. Outro ponto é calcular por quanto tempo você terá que investir para chegar a determinado objetivo.

Lembre-se acima de tudo que ter foco e determinação são essenciais para uma vida financeira mais tranquila e próspera.

Ainda ficou com dúvidas? Escreva para faleconosco@uniprimebr.com.br

COMPARTILHAR:

Este conteúdo foi útil para você?

VEJA TODOS OS ARTIGOS