Uniprime - Cooperativa de Crédito do Norte do Párana

#20 - FGTS: o que mudou?

26 de Agosto de 2019

#20 - FGTS: o que mudou?
Por Juliana Olivieri Refundini, profissional com Certificação CFP®.

O FGTS foi criado em 1966 para funcionar como uma poupança a qual o empregado teria acesso ao dinheiro caso fosse demitido sem justa causa. Além dos casos de demissões, foram estabelecidas também outras possibilidades de utilização deste fundo, como para aquisição de casa própria, para cobrir custos em caso de doenças graves e para a aposentadoria.

Com o intuito de estimular a economia, o atual governo aprovou uma medida provisória que incluiu duas novas modalidades para o saque do FGTS. Você sabe quais são e como vai funcionar? Confira abaixo:

1) Saque Imediato: serão autorizados saques de contas ativas e inativas do FGTS para que as pessoas utilizem como bem entenderem. O valor máximo é de R$ 500,00 por conta, ou seja, se você tiver duas ou três contas, poderá sacar R$ 500,00 de cada uma delas.

2) Saque Aniversário: esta modalidade passa a valer a partir de 2020. Para ter este direito você deve fazer a adesão ainda este ano, em outubro. Com este saque você anualmente poderá sacar, no mês do seu aniversário, um percentual do recurso de acordo com saldo de sua conta do FGTS, conforme a tabela abaixo:

Até R$ 500,00: 50%
De R$ 500,01 a R$ 1.000,00: 40% + R$ 50,00
De R$ 1.000,01 a R$ 5.000,00: 30% + R$ 150,00
R$ 5.000,01 a R$ 10.000,00: 20% + R$ 650,00
R$ 10.000,01 a R$ 15.000,00: 15% + R$ 1.150,00
R$ 15.000,01 a R$ 20.000,00: 10% + R$ 1.900,00
acima de R$ 20.000,01: 5% + R$ 2.900,00

Uma observação importante em relação ao Saque Aniversário, é que quem opta por esta modalidade, caso seja demitido sem justa causa, perde o direito ao saque total de sua conta. Porém, permanece com o direito às demais modalidades de saque, incluindo compra de casa própria, doenças graves, aposentadoria e multa rescisória.

É preciso ponderar bem as vantagens e desvantagens antes de decidir por qual modalidade optar. No artigo da próxima semana, faremos uma reflexão para entender se sacar o FGTS é mesmo uma boa ideia. Não perca!

Planeje-se, invista seu dinheiro melhor e lembre-se que ele tem que trabalhar por você!

Gostaria de saber sobre es assunto? Clique aqui e confira as Perguntas Frequentes. Para saber mais sobre outro assunto da área financeira, fale com a gente através do e-mail: faleconosco@uniprimebr.com.br

COMPARTILHAR:

Este conteúdo foi útil para você?

VEJA TODOS OS ARTIGOS