EDIÇÃO Nº 25 - NOVEMBRO/2020

Uniprime implanta assinatura digital

Mais segurança e organização nas operações contratuais

Uniprime implanta assinatura digital
As transformações digitais vêm gerando mudanças importantes no universo corporativo, especialmente para as instituições que lidam com finanças, caracterizadas pelo uso constante de contratos e assinaturas no papel. Antenada com todos os avanços tecnológicos, a Uniprime migrou recentemente algumas de suas operações contratuais em papel para a gestão de documentos digitais. Isto significa que a cooperativa implantou ferramentas de assinatura eletrônica que aperfeiçoam a rotina administrativa e simplificam a vida de seus colaboradores e cooperados. 

Desde a segunda quinzena de setembro, a assinatura digital tem sido aplicada em “contratos de empréstimos de pessoa física, inicialmente para duas linhas de crédito específicas; e em ficha cadastral”, explica Simone Cristina Gracindo, Analista de Negócios em TI da Uniprime. “Como está sendo bem receptivo pelas agências e cooperados, vamos ampliar para demais ações”, completa ela.

Entre as vantagens da assinatura digital, além da economia de papel (e, conseqüentemente, reflexos positivos ao meio ambiente), destacam-se o monitoramento e armazenamento das informações (facilitando as buscas e a gestão de contratos), e a segurança.

Os documentos eletrônicos, especificamente, tem garantia jurídica pela Medida Provisória 2.200-2/2001. Essa MP dá amparo a qualquer forma de assinatura eletrônica”, conclui Simone.


Simone Cristina Gracindo, Analista de Negócios em TI da Uniprime. 





Jornalista Responsável: Loraine Santos