EDIÇÃO Nº 38 - JANEIRO/2022

Atente-se aos golpes digitais

Colaboradores dão dicas importantes para não cair em armadilhas

Atente-se aos golpes digitais
O crescimento nas interações on-line nos últimos anos intensificou o pagamento de contas e outras operações financeiras por meios eletrônicos e, junto com a modernidade, vieram  também novos crimes e ataques digitais praticados por quadrilhas, fraudadores, hackers e golpistas.

Para Everton Jose Santana, Analista de Negócios em TI da Uniprime, manter-se atento é o primeiro passo para a prevenção. “Quando se trata de um pedido em dinheiro, informações ou ofertas por meios digitais, a primeira coisa a ser feita é questionar se a ação está dentro do padrão e em seguida realizar uma verificação extra. Por exemplo, analise se a forma de escrever do pedido combina com as demais mensagens dessa pessoa e ligue para ela com o objetivo de confirmar”, exemplifica o Analista.

Pensando no aumento da demanda de viagens nessa época do ano, Johnny Rodrigues de Mello, Analista de Negócios da Uniprime, dá a dica: “Em viagens, principalmente a lazer, é muito comum o golpe da troca de cartões, no qual geralmente um vendedor ambulante devolve ao cliente um cartão similar logo após a compra, ficando com o cartão legítimo e a senha. Outro golpe muito comum aplicado principalmente por vendedores ambulantes e motoboys, é o golpe do valor trocado na maquineta. O golpista aproveita a distração do cliente e digita um valor muito superior e esconde o visor da maquininha. Muitas vezes, finge que a compra não foi efetivada e efetua mais de uma cobrança”, conclui.

Portanto, mantenha-se em alerta e previna-se!

Jornalista Responsável: Loraine Santos